Home Blog Page 3

Apple pode lançar dois iPhone 9 como sucessor do iPhone SE já daqui a poucos meses

0

Os rumores relativos às próximas gerações dos smartphones da Apple são vários. Um disponibilizado recentemente indica que a empresa de Tim Cook pode lançar dois iPhone 9 como sucessores do iPhone SE.

A confirmar-se esta hipótese, tal seria concretizado já daqui a poucos meses, antecedendo a apresentação do iPhone 12 em setembro.

Apple pode lançar dois iPhone 9 como sucessor do iPhone SE já daqui a poucos meses

Nos últimos anos, para além do smartphone topo de gama, a Apple tem disponibilizado um modelo mais económico mas igualmente poderoso. Foi assim com o iPhone 8 e iPhone SE… Sendo que este ano devemos ter um sucessor do iPhone SE que se pode denominar iPhone 9!

Os rumores são vários e indicam diferentes possibilidades. Um dos mais recentes é proveniente do DIGITIMES, que afirma ter contactos privilegiados junto de parceiros, fornecedores e colaboradores da Apple.

Em 2020, devemos ter o lançamento de smartphones da Apple em duas fases: o topo de gama na tradicional Keynote de setembro e um modelo mais barato que deverá ser anunciado na primeira metade do ano.

iPhone 9 pode chegar em dois modelos como sucessores do iPhone SE

O mais recente rumor indica assim o desenvolvimento de dois novos smartphones que serão lançados nos próximos meses. Ao passo que estão a ser tratados como sucessores do iPhone SE, estes serão mais idênticos no design ao iPhone 8… Devendo adoptar o mesmo corpo, mas com componentes mais modernos!

Estes dois modelos estarão disponíveis com ecrã LCD cuja diferença está no tamanho. Segundo a fonte do rumor, a empresa Chipbond Technology está a receber encomendas por parte da Apple a requerer exatamente o descrito anteriormente.

Apple pode lançar dois iPhone 9 como sucessor do iPhone SE já daqui a poucos meses


No que toca às restantes especificações, é expectável que partilhe muitos componentes com o iPhone 11. Relativamente à câmara ainda são desconhecidos os planos da Apple.

Ganham cada vez mais força os rumores que dão conta do desenvolvimento e produção de um smartphone da Apple mais barato! A empresa de Cupertino pretende assim garantir que os consumidores têm uma opção mais barata que o iPhone 11, mas igualmente moderna e poderosa.

Oppo, Vivo e Xiaomi Vão Abrir o Seu Serviço de Compartilhamento de Arquivos a Todos

0

Por norma, as grandes marcas de smartphones Android criam serviços próprios para dar mais aos seus equipamentos. Estes não são decerto interoperáveis e funcionam apenas dentro dos seus ecossistemas.

Os sistemas mais universais ficam a cargo da Google e do que é capaz de criar para o seu sistema. Na ausência de um sistema de partilha de ficheiros capaz, a Oppo, vivo e Xiaomi uniram-se e criaram um sistema que está certamente pronto e vai ser lançado para todos.

Oppo vivo Xiaomi transferência ficheiros

Oppo, vivo e Xiaomi uniram forçam

Foi em agosto do ano passado que a Oppo, vivo e Xiaomi criaram a Peer-to-Peer Transmission Alliance. Esta pretendia criar uma forma simples, eficiente e rápida de transmitir ficheiros entre smartphones. A razão da criação desta equipa foi a ausência de uma alternativa dentro do universo Android.

Pretendem usar todas as tecnologias existentes para conseguir atingir uma ferramenta e um conjunto de protocolos que permitam esta utilidade. Os trabalhos aconteceram nos últimos meses e depois de várias versões de testes, surge agora igualmente uma excelente notícia.

O Novo sistema Chega já em Fevereiro

O anúncio oficial de que esta solução está pronta foi, entretanto,o agora e prometeu ser lançada para os smartphones destas marcas. O mais interessante é que deverá chegar já em fevereiro, abrindo assim a portas a todos que esperavam por uma solução destas.

Segundo o que foi apresentado, a escolha deste momento para a sua apresentação não foi casual. As marcas querem preparar agora esta solução,uma vez que o 5G está a chegar.Vão assim suportar melhores velocidades de transferência e ficheiros que crescem de forma natural.

Oppo vivo Xiaomi transferência ficheiros

Transferência de Arquivos de Forma Rápida e Simples

Usando o Wi-Fi e o Bluetooth, este sistema vai permitir principalmente transferências de velocidades elevadas. Pretende garantir que não precisa de utilizar a Internet e igualmente que é fácil de ser iniciado. Basta ser lançado e depois escolhidos os ficheiros que querem transmitir.

Com velocidades médias de 20 MB/s, vai chegar aos novos equipamentos da Oppo, vivo e Xiaomi. Todos os equipamentos destas marcas vão poder ligar-se entre si e transferir ficheiros sobretudo de forma muito simples.

WhatsApp agora perguntará se o usuário quer ser adicionado a um grupo

0

whatsapp celular


Nesta quarta-feira (6), o WhatsApp liberou o recurso que solicita a permissão do usuário antes que ele seja adicionado a um grupo.

A função não é obrigatória e pode ser ativada dentro do aplicativo em Configurações > Conta > Privacidade > Grupos, parte em que você poderá decidir se “Todos” podem te adicionar a grupos, mesmo que não façam parte da sua lista de contatos; “Meus contatos”, que concede permissão para todos os seus números salvos; ou “Meus contatos, exceto…”, para uma restrição ainda mais selecionada.

O WhatsApp ainda explicou que trocou a opção “Ninguém” por “Meus contatos, exceto…” depois da reação negativa que os usuários expressaram quando surgiram os rumores sobre o recurso.

Ao ativar as opções que impedem a inclusão automática, sempre que um estranho tentar te incluir em algum grupo, você receberá um convite via mensagem privada que pode ser aceito em até três dias, antes que seja expirado.

A função já está sendo disponibilizada para todos os usuários que possuem a última versão do WhatsApp instalada em seus dispositivos.

Já é Possível Desbloquear o WhatsApp Com Impressao Digital

0

Tem um Android com sensor biométrico? É utilizador do WhatsApp? Então temos uma boa notícia para si. A partir de agora passa a ser possível desbloquear o acesso ao WhatsApp através do seu dedo.

A novidade começa hoje a chegar a todos os utilizadores. Saiba já como ativar.

Android: Já é possível desbloquear o WhatsApp com o dedo

O WhatsApp é o serviço de mensagens e comunicações instantâneas mais popular do mundo.Esta< app é utilizada diariamente por milhões de utilizadores em todo o mundo. Com naturalidade vemos agora esta empresa detida pelo Facebook a implementar uma nova e crucial solução de segurança no Android.

A partir de agora,tal como já acontece para iOS,passa a existir uma função que permite aceder à app usando o leitor biométrico (leitor de impressões digitais).

Desbloquear com impressão digital no WhatsApp para Android

Para ativar tal funcionalidade no Android basta que siga os seguintes passos:

  • Carregue em menu;
  • Depois vá aConfigurações > Conta > Privacidade:

Selecione a opçãoBloqueio por impressão digital e  ative a opçãoDesbloquear com impressão digita:

  • Por fim, confirme a sua impressão digital.

O utilizador pode ainda definir o tempo de bloqueio automático assim como personalizar se devem ser ou não apresentado o conteúdo nas notificações.

Se têm um leitor de impressões digitais no seu Android e usam esta ferramenta de chat, ativem já esta opção. É fácil, é rápido e garante a sua segurança e de suas informaçoes.

Não Volte a Ser Colocado em Grupos Que Voce Não Quer no WhatsApp

0
WhatsApp grupos utilizadores adicionar novidades


O WhatsApp tem conseguido melhorar as suas apps e dar-lhes novidades constantes e adaptadas ao que os utilizadores precisam. Os exemplos sucedem-se e mostram que ainda há muito onde este serviço pode crescer.

Uma das caraterísticas são os grupos onde nos colocam de forma aleatória e onde muitas vezes não queremos estar. Isso vai acabar em breve com a nova funcionalidade. Passamos a poder controlar quem nos pode adicionar a esses grupos.

As novidades não param de chegar ao WhatsApp. Todas se focam na usabilidade e no que os utilizadores precisam no dia a dia. Querem adaptar esta app à realidade e dar o controlo total a quem a usar.

Uma novidade surge agora, para dar ainda maior controlo ao utilizador. Passa a poder definir quem o pode adicionar aos grupos do WhatsApp.

Abra o menu principal do WhatsApp e depois escolham a opção Definições. Aí dentro devem escolher a nova opção presente. Chama-se Conta e dá acesso aos dados do utilizador.

Da nova lista presente, devem escolher a opção privacidade, que depois dá acesso ao perfil do utilizador e a todas as diferentes opções associadas.

É aqui que vão encontrar uma nova opção, quase no final. Chama-se Grupos e está preparada para definir quem pode adicionar o utilizador a grupos. A opção Todos deverá ser a que está ativa.

Abram e escolham uma das 3 presentes. Podem manter o Todos ou escolher Só contactos. Esta última opção já permite um primeiro nível dos contactos, por limitar os utilizadores.

Provavelmente a opção pretendida é mesmo Os meus contactos, exceto. Esta permite aceder à lista de contactos e definir quem pode ou não adicionar o utilizador. Basta que escolham dessa lista os nomes que não vão ter a capacidade de adicionar o utilizador a grupos.

Esta opção chegou agora à versão de teste do Android e muito em breve será lançada para todos os utilizadores, provavelmente até no iOS. Esta opção garante um maior controlo sobre a que grupos o utilizador vai ser incluído sem o pedir.

Usa o iTunes no Windows Para Gerir o iPhone? Então Atualize já o Seu PC.

0
iTunes Windows atualizar Apple PC

O fim do iTunes no macOS é já uma realidade, tendo a Apple optado por gerir os seus componentes de forma autónoma e diferenciada. Esta posição não foi transposta para o Windows, onde este software ainda está presente.

Apesar de não ter os desenvolvimentos que foram vistos ao longo dos anos, a versão Windows tem sido suficiente. Agora, e segundo foi descoberto, é urgente que atualizem o iTunes no Windows. Uma falha grave de segurança foi descoberta e os riscos são elevados.

Atenção, é preciso atualizar o iTunes do Windows

Apesar de ser um marco na história da Apple, o iTunes foi descontinuado com a chegada do macOS Catalina. A decisão pode parecer lógica, mas deixou muitos utilizadores sem um ponto central para acesso aos equipamentos e conteúdos.

A versão Windows, que ainda muitos usam, acabou por manter-se unificada e dar uma gestão global. É precisamente esta que agora está com sérios problemas de segurança, segundo descobriu e revelou a empresa Morphisec.

Segundo o que foi revelado,a falha detetada permite aos atacantes colocarem malware e ransomware nos PCs que estejam acorrer as versões atuais.A falha está no componente Apple Software Update,usado para atualizar o iCloud e o iTunes

iTunes Windows atualizar Apple PC

A Apple já tem uma nova versão para o seu PC

O problema é ainda maior, uma vez que este componente fica no Windows quando o iTunes e o iCloud são desinstalados. Corre em segundo plano sempre que o sistema operativo é iniciado. Assim, não apenas os atuais utilizadores estão expostos, mas também todos os que já o tiveram que atualizar.

Esta falha tinha sido descoberta há algum tempo, mas a Morphisec aguardou a chegada da correção. A Apple já a tem disponível e todos devem garantir a atualização imediata. A proteção vem com a versão 12.10.1 do iTunes, a versão 7.14 do iCloud Windows 7 ou a versão 10.7 para Windows 10.

Estas são atualizações obrigatórias, pois a sua presença deixa os utilizadores vulneráveis. É aparentemente simples de explorar e os resultados podem ser muito desastrosos para qualquer PC que for atacado.

Preparados Para Testar Todas as Novidades Do WhatsApp?

0

WhatsApp testar novidades Android grupos

A equipa que desenvolve o WhatsApp tem estado ativa a vários níveis, com novidades constantes. Estas procuram trazer ainda mais para este serviço e para os muitos utilizadores que tem acumulado ao longo dos anos.

Se a face mais visível tem sido o Dark Mode, a verdade é que muitas outras têm surgido. Isso pode agora ser visto, com duas novidades a estarem presentes. Uma pode ser já testada e a outra está mesmo a ser terminada.

Duas novidades a serem testadas no WhatsApp

No WhatsApp, em especial na versão Android, as novidades surgem de forma rápida e constante. Passam por períodos de teste que avaliam a sua qualidade, sendo posteriormente transpostas para as versões finais. São estas as que a maioria dos utilizadores conhece.

Claro que os testes existem e ai estão agora presentes 2 novidades. Vão estar aqui durante algum tempo, a serem avaliadas e a garantir que estão criadas de forma perfeita. Eventualmente mais tarde, com a certeza de qualidade, transitam para todos.

Para iniciar, temos agora uma nova opção de segurança. Os utilizadores passam a poder definir que contactos os podem adicionar a grupos. As opções eram Todos, Contactos ou ninguém e caiu a última, sendo substituída por uma lista de contatos filtrada.

Uma mudança nos Grupos do Android

A segunda novidade é já um clássico do WhatsApp que contudo insiste em não chegar. Falamos do Dark Mode que sabemos estar a ser desenvolvido há meses. Desta vez surgem novas configurações, com a certeza que este modo poderá ser ativado manualmente e não depende do Android.

Se estiverem no programa de testes do WhatsApp então vão encontrar a primeira novidade. Esta surge já na mais recente versão que pode ser encontrada na Play Store da Google.

Estes são mais alguns passos para que o WhatsApp seja ainda melhor. Aguardem que estas novidades sejam testadas para que rapidamente surjam para todos os utilizadores deste serviço.

Já recebeu a MIUI 11? Xiaomi disponibiliza atualização estável para 8 modelos

0

A interface de utilizador da Xiaomi, a MIUI 11, foi apresentada no dia 24 de setembro, de forma oficial. Depois disso, uma versão beta foi disponibilizada para a maioria dos dispositivos.

Contudo, começa agora a ser disponibilizada a versão estável para 8 modelos Xiaomi e Redmi.

Já recebeu a MIUI 11? Xiaomi disponibiliza atualização estável para 8 modelos


Xiaomi MIUI 11 estável começa a chegar

As principais novidades da MIUI 11 da Xiaomi prendem-se como o Modo escuro, com o botão para bloquear publicidade e com o ecrã Always on melhorado.Há ainda que destacar o melhor controlo por gestos,novas músicas e toda uma estética mais minimalista.

Estas novidades foram apresentadas no final de setembro,quando a marca lançou também os novos Xiaomi Mi 9 Pro 5G e Mi MIX Alpha.

 A versão estável da MIUI 11 já começou a ser disponibilizada, ainda que não estejamos a falar da versão global. Esta começará a chegar apenas a 16 de outubro, sendo o Redmi Note 8 Pro, o primeiro a ser contemplado.

Para já, estes são os primeiros modelos a receber a MIUI 11:

  • Série Redmi K20
  • Mi 9 SE
  • Mi MIX 2
  • Mi MIX 2S
  • Mi 8
  • Redmi Note 7
  • Redmi Note 7 Pro
  • Redmi 7

Ainda este mês é esperado que a versão estável chegue aos restantes modelos da linha Mi 8, Mi MAX 3, Mi MIX3 e Mi 9. No final do mês de outubro, deverão ser contemplados ainda os Mi CC 9, Mi CC 9 Meitu, Mi CC 9e, Mi MIX 2, Mi Note3, Mi 6, Mi 6X, da Xiaomi. Da Redmi serão os Redmi 7A, 6 Pro, Note 5, 6A, 6, S2.

Os restantes modelos contemplados, deverão receber as atualizações apenas no início de novembro. Entre eles os Xiaomi Mi MIX, Mi 5s, Mi 5s plus, Mi 5X, Mi 5C, Mi Note2, Mi PLAY, Mi Max 2, e os Redmi Note 8, Note 8 Pro, 5 Plus, 5, Red Rice Phone A, Phone 4X, Note 5A.

Apple lança Novo Site iCloud.com Beta Com Nova Aparencia e Lembretes App

0

Antes do lançamento do iOS 13, iPadOS e MacOS Catalina, a Apple atualizou seu site beta do iCloud.com com uma nova aparência e um novo aplicativo Reminders (via Federico Vittici). 

A versão beta do iCloud.com tem uma interface branca simples com ícones menores e, em vez de um aplicativo Configurações, agora há uma seção “Configurações da conta”.

A maioria dos aplicativos beta iCloud são idênticos aos aplicativos iCloud disponíveis através do site iCloud.com padrão, com Mail, Contatos, Fotos, Notas, iCloud Drive, Páginas, Números, Keynote, Find Friends e Find iPhone inalterados. 
No entanto, há um novo aplicativo Lembretes no beta.iCloud.com, que espelha o aplicativo Lembretes do iOS e permite que os usuários do iCloud criem, visualizem e gerenciem suas tarefas. 

A nova versão do iCloud.com provavelmente será lançada após o lançamento do iOS 13 e do novo software da Apple neste outono. 

Fonte: Macumbores

Apple Watch Series 5: Surpreenda-se com a Primeira Imagem do Relógio!

0

Estamos já a escassas semanas da maior apresentação anual de produtos da Apple. Os seus tradicionais eventos de setembro trazem-nos, durante a keynote, os novos iPhone, bem como outras surpresas de Cupertino. Agora, confirma-se a existência dos Apple Watch Series 5, entre outros produtos!

Temos já uma primeira IMAGEM, de acordo com a fonte, retrata a próxima geração do Watch.

Apple Watch Series 5

Adicionalmente, graças ao relato da macrumors, tivemos conhecimento de três novas patentes recentemente registadas pela tecnológica. As mesmas foram submetidas na Eurasian Economic Commission e versam exatamente sobre a próxima geração de iPhone, novos computadores Mac, bem como os Apple Watch.

Os Apple Watch Series 5 chegam em setembro!

Ainda que pudessem persistir algumas dúvidas face aos rumores até então, agora torna-se difícil negar a sua existência. Isto é, não só temos uma fotografia real do suposto Apple Watch Series 5, bem como a patente que o protege. Em síntese, é agora um dos produtos que serão seguramente anunciados em setembro próximo.

Em seguida podemos ver o registo da patente para os três produtos a serem apresentados. Veja-se, em primeiro lugar, os Media players que pode aqui retratar a já sugerida versão mais económica do HomePod, bem como uma nova geração para os iPod. Temos aqui dois modelos com o iOS.

Em seguida temos um total de 14 modelos referentes às diferentes configurações para os próximos computadores portáteis. Isto é, toda uma nova gama de MacBooks, tal como é evidenciado pelo adjetivo “portátil”, bem como pelo software em questão, o macOS.

Vem aí novos MacBooks, iPods, iPhone e os Apple Watch Series 5

Ainda de acordo com o registo da patente temos então 6 modelos para os Apple Watch Series 5. Note-se ainda que cada número de modelo representa uma variante de memória interna / armazenamento. No que aos relógios diz respeito temos sempre, pelo menos, dois tamanhos à disposição dos consumidores.

Também que é expressamente referido o software watchOS 6. Portanto, será este o sistema operativo que alimentará a próxima geração de relógios a estrear no próximo mês. Até lá, contamos ainda com mais fugas de informação que possam também corroborar a tese agora avançada.

A imagem apresentada acima aparenta representar o Apple Watch Series 5, já em utilização, configurado por um utilizador francês. Algo que se torna evidente quer pelo idioma, bem como pela referência à operadora francesa, Orange. Ao mesmo tempo, podemos também encontrar a referência ao watchOS 6.

Do titânio ao watchOS 6

Ainda em torno dos Apple Watch, já havia sido sugerida a hipótese de termos também dois novos acabamentos. Dois novos materiais para a caixa do relógio, neste caso a cerâmica e o titânio.

Mas além deste rumor, imagem e patente, há dados oficiais da Apple?

Como é natural não há. Na verdade, em lado algum há uma referência clara a uma nova geração de relógios inteligentes. Desse modo, todos estes novos modelos poderão simplesmente reforçar a geração atual (Series 4), ainda que tal seja improvável. O mais provável é termos efetivamente a 5.ª geração já em setembro.

Retomando ainda a primeira imagem, com o registo das patentes, temos mais de 12 modelos para os próximos iPhone. Mais uma vez, cada variante de memória conta com o seu número de modelo, mas mesmo assim temos um grande número de modelos registados. Os indícios podem ser da chega dos iPhone Pro.

Por fim, tal como aponta também a macrumors, já no passado os registros da Eurasian Economic Commission têm profetizado os novos lançamentos. Algo que nos deixa assim bastante convictos de um enorme lançamento já nas próximas semanas.