Xiaomi Abandona as Suas apps e usa o Telefone e Mensagens da Google na MIUI Global

0
209
Xiaomi MIUI Telefone Mensagens Google

A MIUI sempre foi baseada no Android, mas tinha apps e outras otimizações da Xiaomi. Estas conseguiam dar aos utilizadores uma confiança grande e também o acesso a todas as funcionalidades esperadas e necessárias.

Mudanças grandes parecem agora preparar-se para chegar aos smartphones da Xiaomi. A marca chinesa vai abandonar algumas das suas apps e abraçar as propostas da Google. As primeiras são já o Telefone e as Mensagens.

Uma mudança radical da Xiaomi para a MIUI

Pode parecer estranho, mas a Xiaomi está mesmo a preferir as propostas da Google às suas. Depois de anos a desenvolver as suas soluções, escolheu retirá-las da MIUI e passar a instalar por omissão as que a Google tem criadas para o Android.

Esta decisão foi anunciada agora pela marca no seu fórum,mostrando também a justificação para esta decisão. Muitos podem não a entender de imediato, mas é necessária e até urgente para que os smartphones da Xiaomi possam continuar a ser usados.

Apesar de ser uma decisão da Xiaomi de forma global,esta alteração não o vai ser.A marca apenas vai fazer esta mudança nas versões Globais da MIUI e nos próximos smartphones que a marca lançar para o mercado.A versão chinesa da MIUI vai manter as apps originais.

Xiaomi MIUI Telefone Mensagens Google

Passa a usar as apps Telefone e Mensagens da Google

A razão apresentada pela Xiaomi assenta nas novas exigências que têm sido feitas. Cada país tem as suas regras de proteção de dados e isso obrigava a ter desenvolvimentos constantes das suas apps para o cumprir. Assim, ao escolher as apps Telefone e Mensagens da Google, tudo fica mais simples.

Por outro lado, esta mudança vem também trazer uma folga aos programadores da Xiaomi. A Google aplica atualizações constantes às suas apps e propaga-as pela sua loja. A marca chinesa vai, no entanto, adicionar algumas funcionalidades suas a estas apps através da MIUI.

Pode parecer uma mudança radical da Xiaomi, mas a verdade é que a empresa chinesa acaba a ganhar. Deixa assim de manter as suas apps para os mercados mais exigentes e liberta recursos para outras áreas onde podem ser mais úteis e importantes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here